um [ligeiro] escaldão, muitos banhos de mar, cumplicidades [ruins] renovadas e uma praia depois, estou melhor. mas continua cá a sensação de se estar a fazer tempo, simplesmente, até algo começar. O algo. aquilo que supostamente fará com que tudo faça sentido e que mudará o despertar de segunda a sexta [que por estes dias começa com uma sonora asneira, sussurrada para ele não acordar, mas gritada do topo de todos os telhados que tenho em mim].