é só começarmos a pensar com a ponta dos dedos.